Porto é a segunda cidade mais populosa de Portugal e constantemente reconhecida pela sua diversidade de atrativos turísticos como a beleza de paisagens proporcionadas pelo Rio Douro, as vinícolas e caves da região, a cena artística e cultural e o equilíbrio no desenvolvimento urbano com a preservação de patrimônios históricos.

A cidade do Porto também é muito elogiada por sua gastronomia, pelas muitas opções de cultura e lazer e pelo espírito bairrista da região norte de Portugal. Já foi eleita por vários anos como melhor destino europeu.

Confira algumas experiências que destacamos para quem que busca o que fazer na cidade do Porto.

O que fazer no Porto

Fundação Serralves

casa serralves em porto
Casa de Serralves | © LuisPortugal via Canva Pro

A Fundação Serralves é um projeto cultural que junta arte e meio ambiente em um espaço plural que agrada todo tipo de público. O local é um pouco mais afastado das outras atrações turísticas do Porto, por isso recomendamos ir logo pela manhã e explorar todos os ambientes que compõem o espaço da Fundação.

Se você conhece o Museu do Inhotim, em Minas Gerais (Brasil), com certeza irá se apaixonar por esse local. Saiba mais em nosso Guia de Belo Horizonte.

Criado em 1989, a Fundação Serralves é fruto de uma parceria do governo português com instituições privadas. Antes de virar Fundação, o local era residência do Sr. Carlos Alberto Cabral, um rico empresário do ramo têxtil e apreciador das artes.

Basicamente a Fundação é dividida em 5 estruturas principais:

  • Museu de Arte Contemporânea (o mais importante do país nesta categoria);
  • Parque Serralves: parque com 18 hectares conhecido por seus belíssimos jardins e pela diversidade de flora e fauna;
  • TreeTop Walk: Uma passarela elevada para caminhar na altura das árvores e apreciar a biodiversidade local por cima;
  • A Casa de Serralves, um exemplar de arquitetura Art Déco;
  • A Casa do Cinema Manoel de Oliveira, possui uma exposição fixa sobre o famoso cineasta português e um auditório para eventos.

Existem vários tipos de ingressos para acessar a Fundação. É possível comprar ingressos com acesso a todas as áreas ou para cada área separadamente. A entrada é gratuita para menores de 12 anos.

Casa da Música

Construída em 2005, a Casa da Música é o principal local de concertos musicais de Porto e um famoso ponto turístico devido sua arquitetura, projetada pelo prestigiado arquiteto holandês Rem Koolhaas. A Casa da Música possui também um café com várias opções de comidas e bebidas, uma espaço bem legal para para estudar e trabalhar online.

Alguns eventos são gratuitos e existe a possibilidade de visita guiadas. Você pode conferir tudo isso e mais no site oficial.

casa da música na cidade do Porto
Casa da Música

Jardins do Palácio de Cristal

entrada para o jardim do palácio de cristal
Jardim do Palácio de Cristal

Se você está em busca de um passeio romântico ou um local ideal para fotografias visite os Jardins do Palácio de Cristal.

Os jardins, projetados pelo paisagista alemão Émile David na década de 1860, são divididos em diferentes temas como Jardim das Plantas Aromáticas, das Medicinais, do Roseiral, das Cidades Geminadas e dos Sentimentos. O local também possui uma vista fantástica do Rio Douro.

Seu antigo nome era Palácio de Cristal pois abrigava uma estrutura feita de ferro e vidro construída no século XIX para exposições. Atualmente no lugar do Palácio foi construído o Pavilhão Rosa Mota, local para eventos esportivos.

Casa do Roseiral em Porto
Casa do Roseiral

Museus

A Invicta (apelido de Porto) possui vários museus, sendo um dos motivos de sua nomeação como Capital Europeia da Cultura no ano de 2001. Conheça alguns deles:

  • Museu Romântico da Quinta da Macieirinha: o museu reproduz uma residência burguesa do século XIX com móveis e objetos da época (entrada gratuita nos finais de semana). Fica próximo dos Jardins do Palácio de Cristal e por isso nossa recomendação é conhecer toda essa região no mesmo dia, você pode fazer o percurso beirando o douro em uma caminhada linda e agradável;
  • Museu Nacional Soares dos Reis: é o museu mais antigo de Portugal, fundado em 1833. O museu possui exposições de artes, artes decorativas e de arqueologia;
  • Museu das Marionetas do Porto: no museu encontram-se expostos os bonecos utilizados no Teatro de Marionetas do Porto, teatro criado em 1988 (entrada gratuita nos finais de semana). Um programa divertido fora do turístico convencional. Se tiver tempo, aproveite para assistir a um espetáculo de Marionetes.
fachada da casa do Museu Romântico da Quinta da Macieirinha em Porto
Museu Romântico da Quinta da Macieirinha

Os Vinhos da Região do Porto

O vinho do Porto, o mais conhecido da região, é um vinho licoroso (vinho com alto teor alcoólico, na faixa entre 19% a 22%) devido à adição de aguardente vínica em sua produção. Sua história se deve a ideia de navegadores ingleses em misturar aguardente nos vinhos do Douro para conservá-los até chegar em seus destinos.

Tal vinho possui selo de Denominação de Origem Controlada, ou seja, somente é considerado vinho do Porto aquele produzido na Região Demarcada do Douro. O terroir (conjunto de condições ambientais para produção de vinho) da região é marcado por características únicas como o solo xistoso que influencia nas propriedades da uva.

Mas, a região do Porto também é conhecida pela produção de outros dois tipos de vinhos:

  • Vinho Verde: a maior região vitivinícola de Portugal produz um vinho leve com teor alcoólico inferior a 11,5%. Existem duas explicações para o nome do vinho, uma devido ao alto teor de acidez das uvas desta região e frescor como se as uvas ainda não estivessem maduras e a outra seria uma homenagem à exuberante paisagem onde as uvas são produzidas.
  • DOC Douro: são os vinhos tradicionais da região do Douro, ou seja, não são fortificados com adição de álcool como ocorre com o Vinho do Porto. Apesar da produção de vinhos DOC Douro ser relativamente nova na região, os mesmos têm surpreendido por sua grande variedade e alta qualidade tanto de vinhos tintos como de vinhos brancos.

Por isso, com tanta variedade e cultura vínica, fazer enoturismo está no topo da lista das coisas imperdíveis do que fazer no Porto.

Sessões de Degustação – Vinho do Porto, Verde e Douro

Uma ótima maneira de conhecer e saborear os vinhos da região é ir nas lojas que possuem Pacotes de Provas que é a degustação de vários tipos de vinhos e petiscos pagando um preço fixo. Para quem não bebe muito existe a opção de realizar as provas de copo, pagando por taça de vinho consumida.

Além dos vinhos, existem degustações específicas de queijos e azeites portugueses, produtos tradicionais do país que vale muito a pena experimentar.

Também existem várias lojas especializadas em vinho na cidade que oferecem uma ampla variedade de rótulos (sendo possível provar alguns) e vendedores com experiência no assunto que poderão indicar o melhor tipo de vinho de acordo com seu gosto e a faixa de preço que pretende gastar.

Uma vantagem é que na maioria das lojas é possível pedir para embalar as garrafas para o transporte aéreo.

degustação e prova de vinho do porto em Vila Nova de Gaia
Degustação de Vinho do Porto

As Caves de Vinho do Porto

Cave é um termo que significa subsolo e é lá onde os vinhos do Porto amadurecem e envelhecem dentro de grandes tonéis.

As caves concentram-se na cidade de Vila Nova de Gaia, mas para chegar lá basta ir até a Ribeira e cruzar a ponte Dom Luís I. Nas caves existem vários tipos de tours onde é possível aprender como o vinho do Porto é produzido, sua história e como realizar sua harmonização, além da degustação, claro.

Segue algumas recomendações:

Mais informações sobre os endereços e horários de funcionamento das caves podem ser obtidas no site da Associação das Empresas de Vinho do Porto (AEVP).

Interior de uma cave, adega de Vinho do Porto em Vila Nova de Gaia
Adega (Cave) em Vila Nova de Gaia

Passeio de Barco e Visita à Vinícolas na Região do Douro

A região vitivinícola do Douro fica a aproximadamente 100 km de Porto, onde estão as vinícolas que produzem o vinho do Porto. As vinhas são plantadas em encostas íngremes e proporcionam uma belíssima paisagem, intitulada pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade em 2001 na categoria Paisagem Cultural.

Lista Completa: As Cidades Criativas da Gastronomia da UNESCO

Nas quintas (como as vinícolas são chamadas em Portugal) é possível realizar visitas guiadas, acompanhar o processo de produção dos vinhos e também degustá-los. Algumas delas também incluem opções de acomodação caso deseje se hospedar na vinícola.

Uma opção para chegar nas quintas é de barco pelo Rio Douro, meio que permite contemplar as paisagens montanhosas da região. Os barcos saem de Porto, Peso da Régua e Pinhão e existem vários tipos de passeios, sendo que alguns incluem almoço e visita às vinícolas.

Museu do Vinho do Porto

O Museu do Vinho do Porto fica às margens do Rio Douro, na parte histórica da cidade. O novo museu foi reformulado e inaugurado em 2019 (o museu existe desde 2004 mas funcionava em outro local). As exposições mostram a história do vinho (ex: produção das uvas, transporte de vinho no Rio Douro) e a importância do comércio da bebida para o desenvolvimento da cidade. Após a visita é possível provar alguns vinhos do Porto (a degustação é paga).

Ribeira do Cais

Uma experiência imperdível é passear na região do Cais da Ribeira, localizada no Centro Histórico às margens do Rio Douro. Além das charmosas ruas estreitas e edifícios coloridos, a área possui vários restaurantes, bares e cafés, sendo possível saborear comidas típicas e beber vinhos contemplando o Rio Douro, a Ponte Dom Luís I e a orla de Vila Nova de Gaia que fica do outro lado do rio. Na região também é possível fazer passeios de barco e comprar lembrancinhas nas lojas e barraquinhas de souvenirs.

Nossa dica é aproveitar o passeio e conhecer os pontos turísticos próximos como a Casa do Infante, Palácio da Bolsa, Igreja de São Francisco, etc. Para um descanso, caminhe pela Praça da Ribeira, lá concentram-se os restaurantes para comer algo e relaxar enquanto aprecia a paisagem do Douro.

Mirantes

Os mirantes, chamados de miradouros em Portugal, são locais perfeitos para se ter uma vista panorâmica da paisagem além de oferecer outra perspectiva de vários pontos turísticos.

Alguns são pontos da cidade com acesso gratuito e outros são estabelecimentos privados que possuem uma vista privilegiada. Nossos preferidos:

Miradouros do Porto

  • Miradouro da Vitória: Um dos mais famosos oferece uma vista completa tanto da parte histórica do Porto quanto de Vila Nova de Gaia;
  • Miradouro das Virtudes: Localizado no Jardim das Virtudes, muito frequentado por moradores principalmente durante o verão;
  • Torreão do Jardim do Palácio: De um lado os Jardins do Palácio de Cristal, do outro Gaia com o Rio Douro cortando o horizonte. Suba a Torre de estilo medieval e vislumbre a vista;
  • Bar Guindalense: o bar fica localizado no distrito da Sé e possui uma bela vista para o Rio Douro e a ponte D.Luis I;
  • Bar Miradouro Ignez: o bar foi aberto em 2009 e oferece uma deslumbrante vista para o Rio Douro.
Torreão do Jardim do Palácio de Cristal em Porto
Torreão do Jardim do Palácio de Cristal

Miradouros em Vila Nova de Gaia

  • Jardim do Morro: Aqui vai uma excelente dica de mirante. Se quiser ver Porto de verdade, atravesse a Ponte Dom Luís I e sente-se no Jardim do Morro. Se estiver no verão, passe por lá no fim do dia para curtir o pôr-do-sol com a vista do Rio Douro e da Ribeira, bem acompanhado e com um bom vinho terá um momento simplesmente mágico.
pôr do sol no jardim jardim do morro em Vila Nova de Gaia com vista do Porto
Jardim do Morro – Vila Nova de Gaia
  • Mosteiro da Serra do Pilar: Ao cruzar a ponte Dom Luís I, o Jardim do Morro estará à sua direita enquanto o Mosteiro da Serra do Pilar ficará a sua esquerda. Impossível não notar a sua presença. Para uma vista de Porto mais do alto, suba até o Mosteiro e aproveite o cenário!

Explore mais: Guia de Viagem Porto

mirante do mosteiro da serra do pilar com a vista da cidade de porto no por do sol
Mirante do Mosteiro da Serra do Pilar

Comer como um ‘Tripeiro’ (como são chamados os moradores locais)

Um dos pratos típicos da cidade são as Tripas à moda do Porto, feito com tripas de vitela, embutidos, carne de porco e feijão branco. Uma lenda em torno do prato é que na Era dos Descobrimentos o Infante D. Henrique solicitou carne à população local para abastecer suas caravelas; os moradores deram toda a carne que possuíam, ficando apenas com as tripas, levando à criação da receita. Uma dica é pedir este prato no restaurante tradicional A Cozinha do Manel.

tripas à moda do porto é um prato típico do Porto
Tripas à moda do Porto

Porto também é conhecida por seus lanches, como os sandes (sanduíches) de pernil, cachorrinhos (cachorro quente), bifanas (sanduíche recheado com bifes de porco temperados), prego (sanduíche recheado com carne bovina) e a famosa Francesinha, prato originado na cidade feito com carne, queijo e embutidos.

Dica: Experimente as bifanas no Conga – A Casa das Bifanas, já para o Cachorrinho vá até o Gazela – Cachorrinhos, também não deixe provar o Sandes de Pernil da Casa Guedes.

Uma dica é comer essas delícias em Tascas tradicionais, estabelecimentos simples “raiz” espalhados pela cidade que oferecem comidas boas e baratas. 

Para quem gosta de frutos do mar, recomendamos o restaurante Marisqueira de Matosinhos, fundado em 1978 (Marisqueiras são restaurantes especializados em frutos do mar).

Conheça os Pratos Típicos de Portugal

Mercados Locais

Uma ótima maneira de conhecer os produtos e a gastronomia local, além de encontrar lembrancinhas para comprar é visitar os mercados locais:

  • Mercado do Bolhão: aberto em 1839 e intitulado Monumento de Interesse Público, é um dos mercados mais famosos de Porto. Desde 2018 o mercado encontra-se em reforma mas é possível passear e fazer compras no Mercado Temporário do Bolhão, localizado a 2 minutos do edifício original. O local, além das tradicionais bancas de flores e frutas também abriga restaurantes, bares, cafés e lojas de artesanato.
  • Mercado do Bom Sucesso: o mercado fica na região de Massarelos/Boa Vista, próximo à Casa de Música. Inaugurado em 1952, o Mercado do Bom Sucesso passou por uma grande reforma e além de bancas, lojas e cafés, possui até um hotel chamado de Hotel da Música. Dica: faça uma pausa no seu roteiro para tomar um fino (como são chamados os chopps) nas barracas do Mercado do Bom Sucesso.
mercado bom sucesso no Porto
Mercado Bom Sucesso

Feiras de Rua

Porto possui várias feiras onde é possível comprar itens únicos como objetos de decoração, livros, moedas, discos, roupas e pinturas. Algumas recomendações de feiras:

Feiras de antiguidades

  • Feira da Vandoma: sábados de manhã na avenida 25 de Abril;
  • Mercado Porto Belo: sábados das 10h às 19h na Praça Carlos Alberto;
  • Feira de Antiguidades e Velharias: terceiro sábado de cada mês na Praça Francisco Sá Carneiro.

Feiras de Artesanato

  • Mercado de Artesanato do Porto: quinta a domingo na Praça Parada Leitão, ao lado do edifício da Universidade do Porto das 10 às 18h (horário inverno) e das 9 às 20h (verão);
  • Mercadinho da Ribeira: quinta a domingo das 10 à 20h no Cais da Ribeira;
  • Feira de Artesanato da Batalha: todos os dias das 9 às 20h na Praça da Batalha.

Para mais informações sobre Feiras e Mercado no Porto visite aqui.

Galerias de Arte

Com inúmeras galerias de arte, Porto tornou-se um “Centro das Artes” para os entusiastas de pinturas, esculturas e fotografias.

Confira algumas recomendações de galerias para conhecer:

  • Galeria Fernando Santos: a galeria foi fundada em 1993 e fica na rua Miguel Bombarda, a principal rua do “Quarteirão das Artes”;
  • Galeria Pedro Oliveira: fundada em 1990, suas exposições contam com obras de renomados artistas portugueses e estrangeiros (o local também oferece uma ótima vista do Rio Douro);
  • Galeria Quadrado Azul: aberta em 1986, o nome da galeria tem origem na obra K4, o Quadrado Azul, obra de estilo futurista publicado em 1917 pelo escritor e artista plástico Almada Negreiros.

Bate-volta de Porto para cidades próximas

A partir de Porto é possível fazer viagens bate-volta para algumas cidades próximas:

  • Matosinhos: situada na região metropolitana do Porto, é famosa por suas praias e possui várias opções de passeios, como o Mercado Municipal e a Igreja de Bom Jesus de Matosinhos. Aproveite para comer nos excelentes restaurantes de frutos do mar;
  • Guimarães: o município é considerado o berço de Portugal. Um famoso ponto turístico é o Castelo de Guimarães, construído no século X como proteção contra os ataques de vikings e mouros;
  • Braga: a cidade mais antiga de Portugal com mais de 2.000 anos, sendo famosa por seus jardins, igrejas e palácios;
  • Aveiro: conhecida como “Veneza Portuguesa” pelos seus canais fluviais. Aproveite para experimentar o doce chamado ovos moles (feito com gema de ovo e açúcar), típico do município;
  • Costa Nova: Excelente para passar um dia de sol, seja na praia ou caminhando a beira mar. Além das tradicionais casas pintadas em listras, o local atrai muitas pessoas que buscam praticar esportes náuticos e bons restaurantes de frutos do mar.

Confira nosso Guia de Porto para mais informações sobre como chegar lá, onde ficar, o que fazer, e muito mais.


PLANEJE SUA PRÓXIMA VIAGEM

Nota: Alguns links podem ser links afiliados. Se você comprar produtos através deles, nós receberemos uma pequena comissão que apoiará a manutenção do site Food’n Road sem nenhum custo adicional para você.

Comments are closed.